Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Campinas quer aumento da estrutura de UTI neonatal para atender a região


12/04/2022 - 14:16




O secretário de Saúde de Campinas, Lair Zambon, solicitou nesta terça-feira, 12 de abril, uma reunião com a Secretaria Estadual de Saúde para discutir o fortalecimento da rede de UTI neonatal do município e da região. 
 
 
A ocupação das estruturas de neonatologia do SUS Municipal está alta há dias. Nesta terça-feira está acima de 100%, sendo que 35% dos internados são de fora de Campinas – esse número, em média, fica em torno de 15%. “Os dados são extremamente preocupantes, pois o município não consegue absorver uma demanda tão alta da região”, disse Zambon. 
 
 
O município conta com 34 leitos de UTI conveniados, sendo 22 na Maternidade de Campinas e 12 na PUC. Além disso, há 21 leitos de unidade semi-intensiva  (17 na Maternidade e quatro na PUC). O primeiro hospital tem hoje 26 pacientes na UTI e 20 na semi. Já o segundo, tem 13 na UTI e quatro na semi. Todos os bebês que necessitam de tratamento intensivo estão sendo atendidos e acompanhados.
 
 
A UTI neonatal e os leitos de semi-intensiva são para crianças com até 28 dias que nasceram prematuras ou com doenças graves. Campinas não envia pacientes para outras cidades e os leitos são dimensionados para atender a demanda do município. 

Clique aqui para acessar as imagens desta matéria em alta resolução

Crédito: Eduardo Lopes

Foto: Secretário municipal de Saúde, Lair Zambon | Crédito: Eduardo Lopes

Secretário municipal de Saúde, Lair Zambon