Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Ações do Novembro Azul conscientizam sobre prevenção do câncer de próstata


18/11/2021 - 17:10




O prefeito Dário Saadi alertou, nesta quinta-feira, dia 18 de novembro, para a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. Segundo câncer mais frequente entre os homens, atrás dos tumores de pele, Campinas registra entre 500 e 600 novos casos anualmente. No ano passado, 85 homens morreram em decorrência da doença, 8,9% a mais que em 2019, quando foram registrados 78 óbitos.
 
 
“Quando diagnosticado precocemente, as chances de cura são de 90%. Os homens alegam falta de sintomas como aparente condição normal para não fazer exame. Para que o câncer dê sintoma precisa estar em estágio avançado. Ausência de sintomas não deve ser desculpa para não fazer diagnóstico precoce. Homens a partir dos 45 anos devem procurar o médico para fazer os exames”, afirmou o prefeito, que é urologista, em live nas redes sociais.
 
 
A live, ação dentro da campanha Novembro Azul, mês dedicado a mobilizar a população masculina e desmistificar procedimentos para diagnósticos de doenças, reuniu os urologistas Sérgio Bisogni, presidente da Rede Mário Gatti; Fábio Thadeu Ferreira, coordenador do Serviço e da Residência Médica em Urologia da Rede Mario Gatti Campinas; e Edson Soares Bezerra, preceptor da Residência Médica em Urologia da Rede Municipal Dr. Mário Gatti e a diretora de Saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Deise Hadich.
 
 
No Brasil, disse Dário, a estimativa é de que sejam diagnosticados 65.840 casos novos por ano até 2022. Esse valor corresponde a um risco estimado de 62,95 casos novos a cada 100 mil homens. “É um número grande, que não reflete a realidade, porque temos muitos casos sem diagnósticos. A diferença do tratamento quando o câncer é diagnosticado precocemente para avançado é grande, muito mais complexo. Nos casos avançados, nem se fala em cura, mas em controle da doença”, afirmou.
 
 
Sérgio Bisogni reforçou a necessidade de os homens se cuidarem, de criarem uma cultura de procurar o médico rotineiramente em qualquer situação. “As mulheres são as grandes responsáveis para levar os homens ao médico. Eles não gostam de ir, mas precisam se conscientizar dessa necessidade. Ao buscar atendimento podem ter diagnóstico não só de câncer de próstata, mas de outras doenças que nem sabiam que tinham, como pressão alta, diabetes”, afirmou.
 
 
Na fase inicial, explicou o urologista Fábio Thadeu Ferreira, o câncer de próstata não tem sintomas. “É uma doença silenciosa e por isso fazer exames preventivos são essenciais. Eles são fáceis, simples e indolores”, afirmou. Um deles é o PSA (Antígeno Prostático Específico), um hormônio produzido pela próstata, mas também pela uretra e glândulas salivares. “O fato se ser elevado não significa existência de câncer, mas acende o sinal amarelo para ser investigado”, afirmou.
 
 
Outro exame é o toque retal. Segundo o urologista Edson Soares Bezerra, 20% dos casos da doença são diagnosticados exclusivamente por esse exame, que deveria fazer parte do exame físico normal em qualquer consulta médica e não apenas com urologistas, porque ele permite detectar também tumor no canal anal, fissura anal. Dura de sete a dez segundos e não dói.
 
 
Os exames de PSA e toque retal levantam suspeita da doença, mas o diagnóstico é fechado com biópsia da próstata, realizada em ambulatório, com anestesia e o paciente não precisa ficar internado. Com o diagnóstico, o médico define o tratamento, que é individualizado.
 
 
Os centros de saúde informou a diretora de Saúde, Deise Hadich, estão abertos para que os homens busquem atendimento e com isso o diagnóstico precoce para diminuir a gravidade da doença e reduzir as mortes.
 
 
Ações do Novembro Azul
 
 
- Durante novembro, a Secretaria de Saúde vai intensificar os cuidados com a saúde do homem. As unidades estão decoradas com balões azuis e cartazes sobre a importância da prevenção do câncer de próstata.
 
 
- Os centros de saúde estão realizando testes rápidos de HIV, sífilis e glicemia, além de aferição de pressão arterial e orientações para uma vida saudável, que podem incluir o exame de PSA. A orientação é para que os homens procurem o centro de saúde mais próximo de suas residências.
 
 
- A Rede Mário Gatti disponibilizará vídeos e áudios gravados pelos especialistas e divulgará nas redes internas e mídias. Também dará treinamento para residentes da Saúde da Família de Campinas sobre o tema saúde do homem. Além disso, está disponibilizando para os funcionários efetivos ou terceirizados, acima de 45 anos e que não fizeram o exame de próstata em 2020 e 2021, exames de PSA e consultas; é preciso fazer o agendamento na Unidade de Saúde do Trabalhador (UST).
 
 
- Em 28 de novembro será realizada uma caminhada no Parque Taquaral, com saída do portão 3, às 8h30, para encerrar o Novembro Azul.

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Diversas ações na rede de saúde promovem a prevenção da doença | Crédito: Carlos Bassan

Diversas ações na rede de saúde promovem a prevenção da doença

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Falta de sintoma não é condição para deixar de fazer exame, diz prefeito | Crédito: Carlos Bassan

Falta de sintoma não é condição para deixar de fazer exame, diz prefeito

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Live reuniu equipe de peso para alertar população masculina | Crédito: Carlos Bassan

Live reuniu equipe de peso para alertar população masculina

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Para Sérgio Bisogni, homens devem se cuidar | Crédito: Carlos Bassan

Para Sérgio Bisogni, homens devem se cuidar