Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Secretário participa de reunião na Câmara sobre revitalização do centro


06/10/2021 - 18:10




Um encontro na manhã desta quarta-feira, dia 6 de outubro, reuniu os vereadores da Comissão Especial de Estudos (CEE) de Revitalização do Centro de Campinas, o secretário municipal de Planejamento e Urbanismo, Renato Mesquita, e a diretora do Departamento de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (Deplan) da pasta, Carolina Baracat. A audiência, no plenário da Câmara Municipal, discutiu a união de forças entre Executivo e Legislativo para elaboração de propostas concretas para revitalizar a região central da cidade.
 
 
O vereador Arnaldo Salvetti, presidente da Comissão, defendeu investimento de infraestrutura, adoção de políticas públicas direcionadas à revitalização e a ocupação ordenada, para atender as demandas da população e dos comerciantes. Também participaram da reunião os vereadores Jorge Schneider e Paulo Gaspar, membros da Comissão. Representando os comerciantes, participou Edvaldo de Sousa Pinto, presidente do Conselho Consultivo da Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC).
 
 
Ponto comum de todos foi a defesa de uma ação conjunta entre vários setores da sociedade. O secretário Renato Mesquita explicou que o Plano de Requalificação da Área Central (PRAC) está previsto no Plano Diretor, a partir do reconhecimento do Centro como um dos polos de desenvolvimento estratégico do município, ao lado das regiões do Ciatec II e do Aeroporto de Viracopos. Neste ano, a Seplurb iniciou os trabalhos para elaboração do plano, em conjunto com as secretarias de Desenvolvimento Econômico, de Finanças, Transportes e a Emdec.
 
 
A diretora do Deplan informou estão sendo finalizadas as vistorias na área central e seu entorno imediato. Esse levantamento tem permitido um olhar intersetorial para o Centro, envolvendo observações das condições urbanísticas dos espaços públicos, os fluxos de veículos e pedestres, a segurança viária e pública, a dinâmica econômica e a potencialidade da região, explicou Carolina Baracat. Ela ressaltou que a atual lei de zoneamento permite o uso tanto comercial quanto habitacional da região.
 
 
O próximo passo é ampliar a discussão, envolvendo as demais secretarias e órgãos públicos para dar sequência ao Plano de Requalificação da Área Central (PRAC), destacou o secretário Renato Mesquita, afirmando que o Legislativo pode cooperar com procedimentos que viabilizem essa ação. “Vamos buscar soluções positivas em conjunto”, disse. 
 
 
Olhar intersetorial
 
 
A Prefeitura busca, a partir desse primeiro olhar intersetorial, que o plano preveja a qualificação e a manutenção dos espaços públicos para a circulação e permanência das pessoas no centro da cidade, impactando positivamente na segurança pública e no dinamismo econômico, convidando a que mais pessoas circulem pela região.
 
 
“Cabe ressaltar que estamos olhando para o Centro como uma centralidade metropolitana, o que significa reconhecer sua importância estratégica para toda a Região Metropolitana de Campinas (RMC)”, explicou Carolina Baracat.
 
 
Ficou definido o agendamento de uma nova reunião, assim que as vistorias realizadas pelas secretarias municipais forem finalizadas, entre a Comissão Especial de Estudos (CEE) de Revitalização do Centro de Campinas e a equipe da Seplurb.

Clique aqui para acessar as imagens desta matéria em alta resolução

Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Foto: Reunião foi no plenário da Câmara e teve transmissão pelas redes sociais | Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Reunião foi no plenário da Câmara e teve transmissão pelas redes sociais

Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Foto: Secretário de Planejamento e Urbanismo, Renato Mesquita, destacou busca por  | Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Secretário de Planejamento e Urbanismo, Renato Mesquita, destacou busca por

Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Foto: Diretora do Deplan, Carolina Baracat, explicou estudos iniciais para plano | Crédito: Divulgação/Câmara Municipal de Campinas

Diretora do Deplan, Carolina Baracat, explicou estudos iniciais para plano