Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Secretaria de Saúde vacina 48% do público-alvo contra Influenza


28/06/2021 - 14:51




A Secretaria Municipal de Saúde divulgou nesta sexta-feira, dia 25 de junho, a cobertura vacinal da 23ª Campanha de Vacinação contra a gripe (Influenza). Até o momento, dia 28 de junho, foram aplicadas 195.505 doses de vacina, mais de 48% do público-alvo. A campanha teve início em 12 de abril. A vacina é em dose única e protege contra Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B.
 
 
 
Foram imunizadas 66,1% das puérperas (1.188 doses), 58,5% das crianças (46.603 doses), 52,7% das gestantes (5.766) e 57,7% dos trabalhadores da saúde (30.288). Com relação ao grupo de idosos e de profissionais da educação, cuja vacinação teve início em 11 de maio, já foram vacinados 50,5% dos idosos (103.844) e 47,4% dos trabalhadores da educação (6.318).
 
 
 
Em relação aos membros ativos das Forças Armadas, a vacinação atingiu 4,5% com 117 doses aplicadas. Foram vacinadas 149 pessoas com deficiência permanente (0,4%).
 
 
 
Além disso, a Secretaria aplicou outras 1.232 doses de vacinas em 53 funcionários do Sistema de Privação de Liberdade; 564 integrantes da Força de Segurança e Salvamento; em 32 adolescentes em medidas socioeducativas; 290 trabalhadores do transporte; 268 caminhoneiros e em 25 indígenas.
 
 
 
 
 
23ª Campanha
 
 
 
A Secretaria de Saúde alerta que a campanha continua e as pessoas que já foram imunizadas contra a Covid-19 devem fazer um intervalo de, pelo menos, 14 dias entre uma vacina e a outra.
 
 
 
Para receber o imunizante, os trabalhadores de saúde ou educação devem apresentar um documento de identidade com foto e um comprovante da atuação profissional; pessoas com 60 anos ou mais devem apresentar documento de identidade com foto.
 
 
 
Os trabalhadores do transporte e caminhoneiros precisam apresentar RG e comprovação do vínculo de trabalho.
 
 
 
Gestantes e puérperas, além do documento, podem levar cartão de pré-natal. Já para as crianças, serve a certidão de nascimento. As pessoas que forem se vacinar e tenham tomado vacina contra a Covid-19 precisam levar o comprovante de vacinação para que a equipe consulte se o intervalo entre as doses está correto.
 
 
 
 
 
O grupo de profissionais da educação inclui funcionários que atuam em diversas funções, como secretários, auxiliares de serviços gerais, faxineiras, mediadores, merendeiras, monitores, cuidadores, diretores, vice-diretores, professores de todos os ciclos da educação básica, professores coordenadores pedagógicos, além de professores temporários.
 
 
 
 
 
Como trabalhadores de saúde são consideradas todas as pessoas com a formação em um dos cursos da área da saúde, incluindo formação de nível técnico. Profissionais de apoio que trabalham nos serviços de saúde como recepcionistas, seguranças, pessoal da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias, cuidadores de idosos, doulas/parteiras e os estudantes da área da saúde que estiverem prestando assistência em serviços de saúde.

Clique aqui para acessar as imagens desta matéria em alta resolução

Crédito: Arquivo

Foto: Foram aplicadas 195.505 doses de vacina: campanha teve início em 12 de abril | Crédito: Arquivo

Foram aplicadas 195.505 doses de vacina: campanha teve início em 12 de abril