Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Agendamento para idosos acima dos 73 anos está suspenso temporariamente


12/03/2021 - 17:44




O agendamento para vacinação contra a Covid-19 em Campinas está temporariamente suspenso até a chegada de novas doses. A informação foi confirmada pelo prefeito Dário Saadi na tarde desta sexta-feira, dia 12 de março, durante transmissão ao vivo pelas redes sociais.
 
 
No total, nesta sexta-feira pela manhã, foi aberto o agendamento para 7.500 doses para o público acima dos 73 anos. Entre as vagas disponíveis, havia seis mil para a nova faixa etária, de 73 e 74 anos, e houve grande procura. Com o sucesso do agendamento, todas as vagas foram preenchidas.
 
 
A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), da Secretaria Municipal de Saúde, Andrea von Zuben, explicou que as pessoas não devem se preocupar pois o agendamento será reaberto assim que o Município receber novas doses da vacina. Segundo ela, cerca de oito mil pessoas estão na faixa estimada de idosos de 73 e 74 anos e a maioria, cerca de seis mil, já estão agendados para receber a primeira dose do imunizante durante os próximos dias.
 
 
Durante a transmissão pelas redes sociais, o secretário municipal de Saúde, Lair Zambon, lembrou que o público de mais de 80 anos de Campinas já está vacinado, com cobertura total. Ele comemorou esse marco e disse que logo as pessoas com mais de 75 anos também estarão todas imunizadas. A meta é vacinar 18.617 pessoas nesta faixa etária de 75 a 79 anos. Recente levantamento mostra que já receberam as doses 12.317 idosos entre 75 e 79, o que corresponde a 66% desta população.
 
 
Perda mínima
 
 
Campinas tem conseguido otimizar o uso das doses de vacina contra a Covid-19 com perdas abaixo do esperado. Por conta do agendamento, a coordenadora do Devisa explicou que a perda está em menos de 1% dos imunizantes. “Praticamente não tem perda”, afirmou Andrea von Zuben, pois os frascos abertos são utilizados integralmente, sem sobras.
 
 
O prefeito Dário Saadi ressaltou que a perda estimada e tolerada pelo Ministério da Saúde é de até 5% das doses. Com isso, mais pessoas estão sendo vacinadas na cidade, comemorou o prefeito, antecipando as novas faixas etárias na campanha.
 
 
Horários agendados
 
 
A vacinação continua sendo realizada nos próximos dias para as pessoas que já estão agendadas. Campinas conta com cinco centros de imunização, localizados no CVI (Centro de Vivência do Idoso), na Lagoa do Taquaral; Escola CAIC “Zeferino Vaz”, na Vila União; Clube Círculo Militar de Campinas, no Jardim Chapadão; Casa da Criança Paralítica, no Parque Itália; e o Centro de Imunização Noroeste (antigo prédio da NAED Noroeste), na Vila Castelo Branco.
 
 
Assim que chegar novo lote de vacinas encaminhado pelo Governo do Estado, a Prefeitura vai divulgar a reabertura do agendamento, que é obrigatório e deve ser feito prioritariamente pelo site https://vacina.campinas.sp.gov.br/ ou pelo telefone 160. Os idosos que tiverem dificuldade com a internet, podem pedir ajuda para familiares e amigos.
 
 
A Secretaria de Saúde de Campinas faz um apelo para que as pessoas que agendaram a vacinação compareçam, no máximo, com dez minutos de antecedência. Não há necessidade de chegar muito antes, porque o atendimento será somente no horário pré-agendado no site. Na hora da vacinação, o idoso deve levar um documento de identidade com foto e um comprovante de endereço.
 
 
Pessoas sem agendamento prévio não serão atendidas. O agendamento garante a vacinação de forma organizada, sem aglomeração e com tranquilidade e segurança para todos os usuários.
 
 
É importante ressaltar que o pré-cadastro é diferente do agendamento. O pré-cadastro feito no site do Governo do Estado não garante agendamento nos centros de imunização de Campinas e não é uma reserva de doses. Mas é importante para adiantar o preenchimento de dados e tornar o atendimento mais rápido nos locais de vacinação.
 
 

Clique aqui para acessar as imagens desta matéria em alta resolução

Crédito: Eduardo Lopes

Foto: O secretário de Saúde, Lair Zambon, celebrou ritmo positivo da vacinação em Campinas | Crédito: Eduardo Lopes

O secretário de Saúde, Lair Zambon, celebrou ritmo positivo da vacinação em Campinas