Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Feira Hippie do Convivência retoma atividades neste fim de semana


31/07/2020 - 12:25




Entre as boas notícias destacadas durante live desta manhã de sexta-feira, 31 de julho, o prefeito Jonas Donizette anunciou o retorno da Feira Cultural do Centro de Convivência, conhecida como "Feira Hippie", neste sábado e domingo, 1º e 2 de agosto, das 10h às 14h.

 

O prefeito ressaltou que a Feira, que existe desde 1973, é uma das tradições da cidade. “Essa volta é muito importante e eu desejo boa sorte aos artesãos que vão retomar suas atividades neste fim de semana”, disse.

 

O secretário de Cultura, Ney Carrasco, durante o encontro, fez questão de frisar o retorno "consciente" da atividade: "Que todos sejam cuidadosos e evitem aglomeração". O expositor Rogério Lázaro, que atua no local há 32 anos, agradeceu o empenho da municipalidade e garantiu: "Estamos capacitados para voltar".

 

Os expositores e o público terão de seguir, com rigor, normas sanitárias e de distanciamento social estabelecidas para evitar a contaminação pelo coronavírus. As barracas seguirão o distanciamento mínimo de 1,5 metro de distância entre elas e os comerciantes deverão disponibilizar álcool em gel e fazer uso de máscara de proteção para o atendimento aos clientes.

 

Em relação ao setor de alimentação, os produtos não poderão ser consumidos no local, apenas retirados.

 

A Feira Hippie possui 350 expositores cadastrados. Destes, cerca de 200 demonstraram interesse em voltar a expor neste fim de semana. A atividade estava suspensa oficialmente desde o dia 21 de março de 2020, conforme decreto da Prefeitura de Campinas, que estabeleceu as regras da quarentena.

 

Além de fomentar a economia criativa com a diversidade e originalidade dos produtos, a Feira Hippie é um dos principais pontos turísticos da metrópole.


Clique aqui para acessar as imagens desta matéria em alta resolução

Crédito: Fernanda Sunega

Foto: Secretário de Cultura, Ney Carrasco: retorno consciente | Crédito: Fernanda Sunega

Secretário de Cultura, Ney Carrasco: retorno consciente