Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

CS Centro atende pacientes com sintomas de gripe no Colégio Ateneu


12/05/2020 - 17:53




O Centro de Saúde Centro está atendendo pacientes com sintomas respiratórios no antigo Colégio Ateneu, na Rua Barreto Leme, 1.515. A separação de casos começou na última segunda-feira, 11 de maio, com a intenção de separar esses pacientes dos demais e, dessa forma, evitar a transmissão de vírus.
 
 
Com a mudança, quem tiver sintomas respiratórios leves, como febre e tosse, será atendido em uma sala do novo prédio, que fica em frente ao estacionamento externo da prefeitura. O atendimento será das 8h às 18h, de segunda-feira a sexta-feira.
 
 
“O prédio do Colégio Ateneu foi comprado pela Prefeitura para ser sede da Secretaria de Educação. O espaço foi todo revitalizado quando sediou a Campinas Decor, sem nenhum gasto para a Administração municipal. No entanto, por causa da pandemia, nós mais uma vez adaptamos o espaço e agora é um centro de triagem de doenças respiratórias do Centro de Saúde Centro”, explicou o prefeito.   
 
 
Uma equipe com quatro profissionais fica responsável pelo atendimento no novo local: um médico clínico geral, uma enfermeira, um auxiliar de enfermagem e um agente comunitário de saúde.
 
 
A mudança foi necessária porque o CS Centro – que fica na Rua Padre Vieira, 1.145  - tem apenas uma entrada, o que dificulta a separação entre os pacientes com e sem sintomas respiratórios.
 
 
Importante ressaltar que o serviço vai receber pacientes com sintomas respiratórios leves, como febre e tosse, que moram nos bairros centrais da cidade, os mesmos da área de cobertura do CS Centro. As pessoas com problemas respiratórios mais graves devem buscar as UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e os hospitais.
 
 
Outros casos, como pré-natal, vacinação, farmácia, doentes crônicos (diabetes e hipertensão) e casos agudos, continuam sendo atendidos no Centro de Saúde Centro, das 7h às 19h, de segunda-feira a sexta-feira.
 
 
Na maioria dos 66 centros de saúde de Campinas, os atendimentos de sintomáticos respiratórios são realizados em espaços exclusivos. 
 
 
“Quando a gente fala da pandemia, o que vem muito é a imagem do hospital, da UTI ,mas existe um trabalho fundamental feito pela rede de Atenção Primária. A nossa rede de centros de saúde têm que continuar os atendimentos e acompanhamentos que sempre fizeram. Então, adotamos a estratégia de ter duas “portas” em todas as unidades: uma exclusiva para doenças respiratórias e outra para fazer toda a rotina. No Centro, que é nosso maior centro de saúde e acompanha 70 mil pessoas, utilizamos essa alternativa porque no prédio da Padre Almeida não haveria possibilidade de fazer essa segunda porta de maneira segura. A proposta foi trazida pelo Distrito Leste e pelo Centro de Saúde e daí fizemos o acordo com a Secretaria de Educação”, disse o secretário de Saúde Carmino de Souza. 

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Secretário de Saúde, Carmino de Souza: intenção é separar pacientes com sintomas gripais dos demais  | Crédito: Carlos Bassan

Secretário de Saúde, Carmino de Souza: intenção é separar pacientes com sintomas gripais dos demais

Crédito: Carlos Bassan

Foto: Fachada do Colégio Ateneu: na Rua Barreto Leme, 1.515 | Crédito: Carlos Bassan

Fachada do Colégio Ateneu: na Rua Barreto Leme, 1.515