Logotipo da Prefeitura Municipal de Campinas
 

Notícias

Consumo da água e destino do lixo são temas de programas ambientais


25/07/2012 - 11:16

Compartilhe no Facebook


 

Vanessa Bispo e Doni Vieira

 

Cuidar do meio ambiente com atitudes simples, mas de extrema importância, como economizar água e dar uma destinação correta ao lixo, sobretudo o reciclável. Estes são os objetivos básicos da parceria entre os programas de educação ambiental “Sanasa na Comunidade”, realizado pela Sanasa Campinas, e “Lixotour”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Infraestrutura, por meio do Departamento de Limpeza Urbana (DLU).

 

A conscientização para economizar água é feita de forma lúdica e divertida. O trabalho, incluindo a apresentação da peça teatral “Agora Vai”, será apresentado aos moradores do Núcleo Comunitário “Antônio da Costa Santos” nesta quarta-feira, 25 de julho, às 14h.

 

O tema da peça não se limita a debater o uso consciente da água, mas também como evitar a proliferação de baratas, roedores e do mosquito transmissor da dengue, atrelado ao encaminhamento apropriado do lixo doméstico. Um painel ilustrativo demonstra a limpeza da caixa d’água, uso correto da rede coletora de esgoto e o processo de tratamento da água nas estações.

 

Após a apresentação teatral, realizamos uma conversa com o público, reforçando alguns assuntos tratados, por meio de banners e distribuição de materiais ilustrativos, visando à sensibilização para mudança de hábitos”, explica a assistente social, Cláudia Tonietti.

 

Resíduos

 

Já na quinta-feira, dia 26 de julho, às 9h, os contemplados pelo trabalho de conscientização ambiental são os moradores do Jardim São Domingos. A atividade do dia será promovida pelo projeto Lixotour do DLU. A Sanasa disponibilizará um ônibus para transportar os participantes da comunidade e leva-los até a sede do DLU, situada na Avenida Prefeito Faria Lima, nº 630, no Parque Itália (região Sul).

 

O projeto visa a difusão e expansão da coleta seletiva de materiais recicláveis. Expõe a gestão de resíduos sólidos do município, apontando os benefícios ambientais, sociais e econômicos”, esclarece Cláudia.

 

Os participantes assistem à palestra sobre lixo e em seguida visitam a cooperativa São Bernardo, nas instalações do DLU. Em seguida, vão conhecer o aterro de sanitário Delta A, na região Noroeste. “Isso os possibilita entender os impactos negativos que os materiais podem causar ao solo, aos córregos, rios, bem como, a quantidade de resíduos gerados diariamente”, ressalta a assistente social.

 

As atividades visam incentivar a população a adotar hábitos cotidianos como a utilização correta da água, evitando o desperdício. Além disso, pretende estimular o uso adequado da rede coletora de esgoto, a forma correta de lidar com o lixo e também conscientizar as pessoas de que para assegurar a qualidade da água, as caixas d’água devem ser limpas regularmente.

 

Economizar, reciclar, reduzir e utilizar adequadamente os recursos são palavras que resumem o objetivo das duas atividades. Dessa forma, como explica Cláudia, a preservação do meio ambiente é favorecida e consequentemente a melhoria na qualidade de vida atual e das futuras gerações por meio de práticas sustentáveis.

 

Lixotur

 

O programa Lixotour é uma atividade desenvolvida pelo DLU, por meio da Coordenadoria de Coleta Seletiva, e tem por objetivo a divulgação dos serviços executados sobre o manejo ambientalmente adequado de resíduos com melhoria, implantação de serviços e a capacitação de facilitadores para a população dar o destino correto aos materiais.

 

Conforme o diretor do órgão, Egberto Luiz Penteado de Arruda, o programa tem 12 anos de existência com o objetivo principal de divulgar e expandir a coleta seletiva. Explica a gestão de resíduos sólidos do município e aponta os benefícios ambientais, sociais e econômicos com o reaproveitamento do material reciclável.

 

O Lixotour é oferecido gratuitamente ao público em geral, especialmente aos moradores, professores e estudantes, podendo chegar ao numero de 35 pessoas. As solicitações para participar do programa devem ser feita via email: dlu.seletiva@campinas.sp.gpv.br, ou por ofício encaminhado ao DLU.

Crédito: Foto: Luiz Granzotto

Crédito: Foto: Luiz Granzotto